Novidades do Final Fantasy VII Remake podem desagradar fãs

Durante a  PSX 2015 a produtora Square Enix anunciou que estava trabalhando em uma edição Remake do adorado Final Fantasy VII elevando o Hype da Internet a níveis estratosféricos. Durante este tempo, o produtor Yoshinori Kitase vem anunciando algumas características do Remake. Logicamente os gráficos serão remodelados e apresentarão uma qualidade maior, e quanto a isso não há novidades e provavelmente ninguém se opõe.

Outra nova característica do Final Fantasy VII Remake é que este será dividido e disponibilizado em episódios. Pelo tamanho da história original, talvez até mesmo contada em ainda mais detalhes , ou mesmo por motivos mercadológicos, a Square Enix decidiu que o jogo será lançado em episódios, cada um contendo uma história completa. Nas palavras do  Yoshinori Kitase:

Em FFXIII cada lançamento contava a história de um ponto de vista. Foi um tipo de abordagem inovadora na época. Com Final Fantasy VII Remake já temos uma história, então não faria sentido distribuí-la como uma série em várias partes… então estamos olhando com cuidado para cada uma dessas partes, com cada uma estando na mesma escala de um game da trilogia Final Fantasy XIII.”

Ou seja, provavelmente cada parte do jogo será lançado como um jogo completo custando o preço cheio (depende da plataforma, mas pode-se falar que em torno de R$250). Este ponto já começa a desagradar os fãs, já que na nossa realidade brasileira, se os episódios forem divididos em 3 partes (pensando na divisão de 3 CD-ROMs que o jogo original possuía no PS1) será necessário desembolsar a pequena fortuna de R$750 para jogar o jogo completamente.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Além disso, Kitase disse algo, ao menos para mim, preocupante:

“Nada é sagrado no jogo original que não possa ser mudado”.

Kitase, com o intuito de trazer novidades ao novo jogo, está aberto a mudanças na dinâmica e, por que não, em um pouco da história do jogo. Logo depois de ter dito isso, foi anunciado algo que já me decepciona um bocado: o jogo não mais possuirá o esquema de jogadas por turno tão característico e marcando em todos os jRPGs e muito explorado no Final Fantasy VII original. Além disso, uma nova imagem foi disponibilizada e nela vemos Cloud se escondendo de um inimigo nos mostrando que o jogo parece ter ares de jogos com dinâmicas Stealth como Hitman, Mass Efect, etc. Nas palavras dos produtores:

Na história, em situações onde você estará se esgueirando por aí, você não poderá simplesmente sair marchando pelo meio do caminho. A versão original possuía encontros aleatórios e esses caminhos estavam no reino da imaginação, mas como este título é transparente e você verá o caminho que está infiltrando, decidi que isso seria necessário pelo bem do realismo. Você pode usar isso de uma maneira para se esconder até que os soldados inimigos se movam, ou jogar uma granada a partir da cobertura para aniquilar os inimigos. É claro, aqueles que acharem isso um incômodo poderão simplesmente se jogar nas batalhas.

 

Final Fantasy VII mostra uma jogabilidade stealth

 

Pelo que dá para perceber e entender segundo a fala do produtor e a imagem é que o jogo será praticamente um jogo de ação, hack and slash ou, na melhor das hipóteses, algo parecido com um The Witcher com modo stealth.

Não sei quanto a você leitor, mas o meu hype foi a ZERO depois destas informações. Sem querer ser purista, na realidade até sou, mas acho que se mudar a história e a dinâmica do jogo, já não é mais Final Fantasy VII, e sim um novo jogo usando os personagens e a fama do original para fazer dinheiro. Eu sinceramente ficaria bem feliz com um Final Fantasy VII com gráficos melhores, “releitura” de alguns monstros, summons, e armas, mas sem alterar aquilo que nos remete às dezenas de horas de jogo na nossa infância.

Ainda não há data para o lançamento do jogo, então esperemos com a expectativa de que me surpreenda positivamente com o resultado.

 

E vocês, o que acham?

 

Abraços

 

Comentários

Comentários

Be the first to comment

Leave a comment

Your email address will not be published.


*